Modelo norte-americano de lofts se destaca principalmente entre os jovens

Conceito de moradia sem paredes agrada principalmente jovens que estão em busca de um imóvel diferenciado e inovador
Loft se refere a apartamentos sem divisão interna, na maioria das vezes com o pé-direito duplo, com área de convivência, cozinha, quarto e banheiro (Juliana Pippi/Divulgação)

Loft se refere a apartamentos sem divisão interna, na maioria das vezes com o pé-direito duplo, com área de convivência, cozinha, quarto e banheiro (Juliana Pippi/Divulgação)

Já que os imóveis estão cada vez mais compactos, por que não morar com estilo? Os lofts – apartamentos sem paredes – podem ser uma alternativa interessante para quem busca um estilo de vida diferenciado e inovador. Aos poucos, o conceito de moradia norte-americano chega ao Brasil e chama a atenção principalmente do público jovem.

No Brasil, loft se refere a apartamentos sem divisão interna, na maioria das vezes com o pé-direito duplo, sendo que a área de convivência é separada por uma escada do quarto, que está no mezanino. “É um produto feito para quem está buscando uma moradia diferenciada. Solteiros, casados sem filhos e separados normalmente se adaptam melhor a esse tipo de imóvel”, destaca Gisele Vieira Gonçalves Brandão, gerente de projetos. Isso porque ambientes integrados resultam em menos privacidade. Mas a arquiteta observa que os moradores se interessam justamente pela liberdade e maior flexibilidade para se apropriar do espaço de acordo com o seu dia a dia.

Gisele aponta outra vantagem de morar em um loft. O apartamento torna a vida mais prática porque normalmente está em um prédio residencial com serviços integrados. Na visão do especialista em imóveis, Flávio Galizzi, existe uma carência de apartamentos pequenos e bem localizados no país como um todo. Logo, ele não tem dúvidas de que os lofts seriam empreendimentos de sucesso.

“Há uma troca de área por localização. Qualidade de vida hoje é morar, trabalhar e se divertir muito próximo. Os jovens que estão saindo da casa dos pais querem uma casa descolada e bem localizada, para que possam estar perto de tudo.” Existe a possibilidade de usar o loft como um espaço comercial, desde que o número de funcionários da empresa não ultrapasse três. A suíte no andar de cima pode se transformar em sala de reunião com banheiro.

 (Divulgação/Jomar Bragança)

(Divulgação/Jomar Bragança)

Fonte: Lugar Certo – CorreioWeb

Leave a Reply

modelo-norte-americano-de-lofts-se-destaca-principalmente-entre-os-jovens-marcelo-lara-negcios-imobilirios
%d bloggers like this: