Miami é o destino mais buscado para as férias escolares

24_miami

Janeiro é um dos meses mais movimentados do ano para o turismo brasileiro, muito por conta do início de verão e férias escolares. Diversas pessoas aproveitam esta época para viajar com a família e curtir os dias quentes típicos do Brasil ou então, visitar os países da América do Norte e Europa, onde a estação é o inverno.

Pensando nisso, o Kayak, líder global em pesquisas de viagens online, levantou quais são os destinos mais buscados pelos brasileiros para viajar em janeiro de 2017 e o preço médio da passagem aérea. O resultado mostra que Miami é o primeiro lugar da lista e o preço médio de um bilhete de ida e volta é US$ 843.

Ainda no topo do ranking estão Orlando, Fortaleza, Lisboa e Rio de Janeiro. E os destinos com preço médio de passagem aérea mais em conta são: Rio de Janeiro, US$ 134; São Paulo, US$ 152; Salvador, US$ 209 e Recife, US$ 283.

“Miami e Orlando continuam a ser os destinos mais procurados para essa época, porque muitos brasileiros encontram boas promoções de passagens aéreas para essas cidades, pois tem bastante oferta de voos diretos do Brasil. Além disso, muitos pais aproveitam para fazer compras e levar os filhos aos parques temáticos, já que as duas cidades são relativamente próximas e é possível viajar entre as duas de carro e em poucas horas”, acrescenta Nicolas Scafuro, vice-presidente da Kayak para a América Latina.

Confira abaixo o resultado completo da pesquisa:

1º – Miami – US$ 843
2º – Orlando – US$ 894
3º – Fortaleza – US$ 307
4º – Lisboa – US$ 836
5º – Recife – US$ 283
6º – Rio de Janeiro – US$ 134
7º – São Paulo – US$ 152
8º – Salvador – US$ 209
9º – Nova York – US$ 951

Fonte: Bonde

Marketing de Conteúdo na prática: Retrospectiva 2014 e Tendências para 2015

Já estamos quase no período de festas e de férias e quase entrando num novo ano.

É muito comum analisar o ano que passou em alguns fatos e o meu post de hoje vai fazer uma rápida Retrospectiva de 2014 e também vai abordar algumas Tendências para 2015.

2015

O ano de 2014 foi marcado por muitas inovações no mercado imobiliário. Vimos muitas empresas usando Drones para filmar empreendimentos, como a Tecnisa fez no Jardim das Perdizes e a Rossi fez em Atlântida. O benefício sempre é a facilidade para o cliente ver e conhecer um empreendimento e acompanhar o estágio das obras, sem precisar estar presente, fisicamente no local.

Tivemos em Abril, Agosto e em Setembro 3 eventos muito importantes para nosso mercado. Em Abril, o VivaReal fez o Conecta Imobi, primeiro evento focado para o marketing imobiliário digital, onde o Guilherme Machado palestrou. Em Agosto tivemos o Think Real Estate realizado na sede do Google aqui em São Paulo e em Setembro tivemos o Congresso Internacional para o Mercado Imobiliário em Fortaleza.

Em Junho e Julho tivemos a Copa do Mundo que influenciou muito nos valores dos imóveis, principalmente nas cidades onde os Jogos aconteceram.

E em Outubro tivemos outro fator que preocupou todo mundo, as Eleições também ajudaram o mercado imobiliário a se retrair.

Todos esses fatores ajudaram para que 2014 fosse um ano de receio e muita expeculação no comércio de imóveis. Com um carnaval tardio, copa e eleições o mercado não rendeu tudo o que prometia. E pra piorar ainda mais, vem o que eu considero o fator mais importante do ano para nosso mercado.

Achei importante falar de alguns desses fatos que aconteceram em 2014 mas nenhum deles foi tão comentado quanto o da Bolha Imobiliária. Nós, profisisonais do mercado, fomos fortemente acusados de estar escondendo ou evitando falar sobre essa bolha e quando dizíamos que ela não exisita, fomos duramente criticados. Mas o fato é que nenhuma bolha estourou no Brasil como os gurus e vencedores do prêmio Nobel comentaram. Isso me deixou muito confiante de apesar de concordar em ouvir a opinião de outros profissionais, ninguém é melhor do que nós mesmos, profissionais brasileiros, para conhecer e opinar sobre nosso mercado imobiliário brasileiro.

Fonte: Guilherme Machado

Máximo de sossego e privacidade na República Dominicana

Villas particulares, campos de golfe, marina e spas dignos de celebridades e personalidades em busca de tranquilidade são constantes nos empreendimentos mais exclusivos do país

Destino perfeito para quem busca diversão em resorts, o Caribe também é refúgio de quem procura um lugar tranquilo para descansar com vista para o paraíso. Na República Dominicana, por exemplo, existem lugares tão exclusivos que até ex-presidentes, como Bill Clinton, conseguem jogar golfe sem ser importunados. No Leste do país, na região de La Romana, alguns grupos hoteleiros se especializaram em mimar turistas que tenham seis dígitos na conta ou o prestígio de Jennifer Lopes e Julio Iglesias.

1
Teeth of the Dog, campo de golfe mais belo do Caribe, localizado no resort Casa de Campo. Foto: Reprodução
2
Vista de uma das villas do resort Casa de Campo. Vista para o mar do Caribe da piscina com borda infinita. Foto: Reprodução
3
O aluguel de uma villa de mil metros quadrados no Casa de Campo tem diária de US$ 5 mil . Foto: Reprodução
4
Uma das casa disponíveis para alugar na Casa de Campo, na República Dominicana. Foto: Reprodução
5
Entre as atrações do resort estão campos de polo, quadras de tênis e área para tiro esportivo. Foto: Reprodução
6
Entrada do resort Casa de Campo. Foto: Reprodução
7
A estrutura do resort Eden Roc se mistura com a do Beach Club Caletón. Foto: Reprodução
8
Vista aérea do Caletón. Foto: Reprodução
9
No Beach Club, membros precisam pagar mais de US$ 3 mil por ano para usar as estruturas. Foto: Reprodução
10
Uma das villas do hotel-boutique Eden Roc. Foto: Reprodução
11
Decoração clean nas villas do Eden Roc. Foto: Reprodução
12
Massagem isolado do mundo, no Eden Roc. Foto: Reprodução
13
Vista aérea do Zoëtry Resort. Foto: Reprodução
14
Zoëtry Agua, em Punta Cana: crianças são proibidas. Foto: Reprodução
15
Zoëtry Spa, em Punta Cana. Foto: Reprodução
16
Um dos quartos do Zoëtry com piscina privativa e vista para o mar. Foto: Reprodução

Tanto que alguns deles decidiram ter ali uma casa ou apartamento. Caso da cantora Shakira, que comprou o seu no resort Casa de Campo por US$ 1,5 milhão. Uma pechincha perto de alguns imóveis avaliados em US$ 15 milhões, que contam com decoração assinada por Oscar de la Renta. Por US$ 5 mil aluga-se uma casa de mil metros quadrados com duas cozinhas, cinco suítes, piscina com borda infinita e carrinho de golfe. Mas também é possível ficar no hotel, membro do Leading Hotels of The World, cujas suítes de 56 m² a 176 m² com vista para o mar têm diárias a partir de US$ 1.125. Finamente decoradas com móveis de mogno e camas king size, oferece amenities L’Occitane.

Famoso por ter o campo de golfe mais belo do Caribe, o Teeth of the Dog , criado em 1971 pelo renomado arquiteto Pete Dye, com mais de 90 buracos de diferentes dificuldades, o complexo ainda conta com 13 quadras de tênis, três campos de polo, área de tiro com quase um quilômetro quadrado de vegetação nativa, marina e spa

O Eden Roc, em Cap Cana, é outro resort tão exclusivo que os hóspedes raramente se encontram. Cada uma de suas 34 casas com decoração inspirada na Inglaterra dos anos 1990 e metragens variadas contam com banheiras de mármore, carrinho de golf, dois iPads e piscina privativa. As acomodações maiores, de 2,5 mil metros quadrados, não saem por menos de R$ 6 mil a diária, com direito a quatro empregados.

Os clientes ainda contam com serviço de mordomo, alimentação totalmente orgânica, transfer em jatos privados e mais de 150 rótulos de vinho – como o Chateau Margaux 2009, a US$ 4 mil – a disposição na adega central. Mas tudo isso pode parecer pouco perto do serviço VIP, sigla para Very Important Pet, um espaço exclusivo para entreter, alimentar, tosar e dar banho nos bichinhos de estimação que viajam com os hóspedes.

Veja ainda:
– Nicarágua ganha seu primeiro hotel-boutique

A hospedagem no Relais & Chateaux Eden Roc ainda dá direito a usar as instalações do Beach Clube Caletón, a poucos minutos do condomínio. Além de marina para barcos de até 150 pés e heliponto para oito helicópteros, o Caletón oferece cinco campos de golfe com vista para o mar, todos assinados por Jack Nicklaus, um dos maiores golfista americano de todos os tempos.

O risco de visitar o clube-resort é se apaixonar pela região e comprar, por US$ 4 milhões, um lote de 300 metros quadrados em uma praia privada. Se preferir casas já construídas, o custo pode chegar a US$ 20 milhões. Apesar de ser frequentado principalmente nos feriados prolongados, sua vocação é ser base de moradia. Tanto que há no complexo uma escola e uma universidade licenciadas pelos Estados Unidos.

Para quem busca o mesmo grau de privacidade e conforto, mas não dispõe de tantos recursos, é possível hospedar-se no Zoëtry Agua, em Punta Cana, um hotel boutique exclusivo para casais, com apenas 53 acomodações de 72 metros quadrados. Cada qual com sua piscina particular. Quem optar por ficar no retiro terá como mimo uma sessão de massagem relaxante em uma das cinco cabines do spa – duas delas de frente para o mar –, morangos com champanhe no quarto todas as manhãs, amenities Bulgari e mordomo disponível durante toda a estadia para organizar roupas, fazer reservas ou preparar o banho de banheira. Pacotes de sete noites ainda dão direito a um jantar romântico na praia com três opções de menu. A diária para chalé em frente ao mar é de US$ 1.550.

(*) O repórter visitou a República Dominicana a convite da Gol Linhas Aéreas.

Serviço:

Caletón Beach Club

Casa de Campo

Eden Roc

Zoëtry Agua

Fonte: Luxo IG – Por Wanderley Preite Sobrinho , de Punta Cana